Blog

Fisioterapia na recuperação pós COVID19

Pesquisadores da USP apontam que os pacientes continuam com sintomas do COVID19 até 6 meses após a infecção do vírus, é preocupante, pois, os doentes relatam dores musculares, de cabeça, fraqueza generalizada, indisposição, dificuldade respiratória, entre outros. A fisioterapia é essencial para a recuperação de sequelas crônicas que afetam o sistema respiratórios, nervoso, músculo esquelético e cardíaco.

Cansaço, falta de ar, dores musculares nas articulações e no peito são sintomas que fazem parte das sequelas que podem aparecer durante e depois da contaminação pelo coronavírus, os pacientes que tiveram a doença e apresentaram quadro mais grave, além de um período de internação hospitalar, devem atentar para importância da manutenção da fisioterapia pós contaminação, para uma recuperação mais rápida.

Voltar a rotina pode ser um desafio, mas o especialista garante que é possível recuperar o bem-estar e a capacidade pulmonar e motora pós-covid, além de evitar mais complicações cardiorrespiratórios, tudo isso com a contribuição da fisioterapia. É de suma importância a manutenção da fisioterapia no paciente admitido em alta médica do hospital para que possa continuar o fortalecimento dos músculos respiratórios e do sistema musculo esquelético. O fortalecimento se faz necessário, pois, a diminuição de mobilidade, quando o paciente se encontra acamado, acarreta o enfraquecimento muscular gradativo de acordo com os dias que o paciente se encontrou hospitalizado.

Tratamentos como acupuntura, RPG, ventosa podem ajudar e promover bem-estar e qualidade de vida nesse processo. Terapias respiratória com expansão pulmonar, pode também auxiliar no tratamento e reduzir insônia, ansiedade e estresse. A prática ajuda a liberar o fluxo de energia do corpo, fortalecendo o sistema imunológico que produz substâncias que combatem a doenças. Além do auxílio da ventosa, indicado para reduzir dores causadas por tensão muscular ou até contraturas musculares.

Salientamos que praticar exercícios auxilia no processo de estresse e ansiedade, ainda mais em pacientes que precisaram passar por todo esse transtorno da doença, os exercícios de fortalecimento são muito bem-vindos nessa situação e vale pôr em prática a criatividade do paciente e dos seus familiares, utilizando utensílios que já tem em casa como cabo de vassoura, saco de arroz e garrafas com água. O ideal é realizar uma vez ao dia, sempre com auxílio de um profissional.

Ficou interessado? Teve COVID e ainda possui os sintomas? É hora de levantar, adquirir força muscular e melhorar a disposição. Entre em contato com a nossa central, através do whatsapp 11 964300974, temos o prazer em lhe atender ou acesso nosso site e saiba mais www.fisioqualitysaude.com.br.

Open chat