Fisioterapia na esclerose múltipla

Manter a qualidade de vida mediante as necessidades, capacidades do indivíduo é o foco principal da nossa abordagem, a fisioterapia na fase inicial da doença é realizada com ênfase motora de forma global, para alivio da dor, evitando retrações musculares, aumentando a força e tônus muscular, mantendo as atividades funcionais como escovar os dentes, pentear os cabelos, caminhar, sempre em busca de maior independência. Na fase avançada da doença geralmente é introduzida a fisioterapia respiratória para evitar que haja acumulo de secreção nos pulmões, infecções como pneumonias, otimizar a oxigenação, proporcionando maior qualidade de vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *